Plantas

Grama Preta: como plantar, cuidar e mais dicas!

Quer ter uma grama, mas tem medo de não saber como cuidar? Não se preocupe mais, pois agora você vai conhecer a grama preta! Não, ela não é realmente preta e na verdade não é bem uma grama, mas acredite, ela dará o efeito que você procura!

Então, continue com a gente até o final para descobrir o que ela realmente é, como você pode plantá-la, como cuidá-la e outras informações relevantes!

O que é a grama preta?

Créditos: @vivoverdepaisagismo

A grama preta (Ophiopogon japonicus) também pode ser conhecida por grama japonesa, pele de urso ou grama anã. Ela, na verdade, não pertence à família das gramíneas, mas sim é uma planta ornamental.

Uma de suas principais características e diferenciais é a coloração verde escura com folhas alongadas que podem chegar a até 20 cm de altura.

Ela é utilizada para forrar o solo, seja para cobrir grandes extensões ou somente para criar canteiros ou contornos menores. Você pode usá-la como a sua criatividade desejar. 

A grama preta possui um aspecto rústico que pode trazer muito charme, aconchego e uma sensação acolhedora ao jardim, entrada, caminho, fachada ou qualquer outro lugar. Além disso, ela necessita de pouca manutenção e é bem mais prática do que vários outros tipos de grama, como você verá mais adiante.

Como plantar a grama preta?

Créditos: @designjardimepaisagismo

A grama preta não apresenta muita dificuldade em seu plantio e seus cuidados, o que é um dos motivos que fazem com que ela tenha um ótimo custo-benefício.

Veja a seguir o passo a passo para plantá-la:

  1. Defina o local a ser forrado para analisar quantas mudas serão necessárias para cobrir toda a área desejada;
  2. Faça a preparação da terra utilizando adubo orgânico;
  3. Cave pequenas valas ao longo da área para adicionar as mudas de um modo que elas fiquem bem estabelecidas no solo;
  4. Coloque as mudas dentro do solo, nas valas cavadas e certifique-se de que as suas raízes fiquem totalmente cobertas pela terra;
  5. Não esqueça de regar toda a extensão do plantio, mas não deixe que o solo fique encharcado, pois isso pode apodrecer as mudas.

Uma dica interessante é escolher locais já úmidos para plantar as mudas de grama preta. Além disso, busque realizar o plantio no outono (março até junho) ou na primavera (setembro até dezembro), pois é quando a grama preta pode se desenvolver melhor.

Outro ponto bom de saber é que quando o plantio da grama preta é realizado pela primeira vez a partir dos rizomas (caules subterrâneos), ela tem seu crescimento inicial mais lento e gradual. No entanto, depois que a planta é fixada de fato, ela passa a crescer de modo mais rápido.

Como cuidar da grama preta?

Créditos: @ambientallcasaejardim

Assim como o seu plantio não é difícil de ser realizado, o cultivo da grama preta segue essa mesma falta de dificuldade. No entanto, é importante mencionar algo essencial para a boa vida de sua grama preta: ela não aguenta ser pisoteada. Sim, diferente de outros tipos de grama, ela não é fã de pés. Por isso, muitas pessoas preferem utilizá-la para cobrir áreas pontuais ao redor de caminhos, canteiros e bordas.

Sendo assim, procure não fazer o plantio em um lugar que tenha uma alta circulação de pessoas. 

Agora, dê uma olhada abaixo nas dicas que preparamos para que você cuide muito bem da grama preta:

  • Clima:

A grama preta prefere clima tropical, quente e com um pouco de umidade. Ela não se adapta bem aos climas muito frios. Mesmo assim, ela também pode se dar bem nos climas oceânico, continental e subtropical.

  • Iluminação:

Ela pode se desenvolver bem tanto na meia sombra e na sombra quanto em pleno sol. Isso faz com que a grama preta seja bem versátil com relação à localização de sua plantio – é apenas importante lembrar que ela não aguenta ser pisada.

  • Poda:

Uma vantagem bem interessante da grama preta é que ela não precisa ser podada a não ser que tenha alguma folha doente no meio.

  • Solo:

Como já falamos, o solo precisa ser preparado com adubo orgânico para ficar bem fértil, mas além disso, ele também precisa ser verificado para que não tenha alguma erva daninha ou outros materiais, como madeiras ou pedras.

Além disso, o solo precisa conseguir drenar bem a água, ou seja, absorvê-la de forma equilibrada para que ele fique úmido, mas não muito encharcado.

  • Adubação:

A adubação do solo pode ser feita de seis em seis meses. Os produtos indicados para isso são o adubo de base NPK, húmus de minhoca e até fertilizantes de origem natural.

  • Irrigação:

A irrigação da grama preta precisa ser regular, geralmente o sugerido é que ela seja feita de duas ou três vezes por semana.

Entretanto, é importante reforçar que não deve-se exagerar na irrigação, pois isso pode encharcar o solo e prejudicar as raízes da grama preta.

Além disso, o período mais indicado para a rega ser realizada é ao fim da tarde, pois assim as folhas não passam muito tempo molhadas e por consequência não apodrecem. 

Quanto custa a grama preta?

Créditos: @yasminpaisagismo

O preço pode variar de região para região e de estabelecimento, mas em média o preço vai de 25 a 30 reais por metro quadrado. Um preço considerado abaixo de outros tipos de grama vendidos no mercado.

_____________________________

Viu como você pode ter um gramado bonito e do tamanho que você quiser, ainda fácil e prático de cuidar?

A grama preta pode adicionar aquela sensação de aconchego e acolhimento que seu estilo rústico proporciona à decoração de seu jardim, fachada e outros lugares que desejar. O que achou dela? Já teve experiência com ela? Deixe nos comentários!

Comentar

Clique aqui para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Dicas de Decoração

*Utilizamos links afiliados. Se você realizar uma compra por meio deles, receberei uma comissão pela venda. Isso não afeta o preço que você pagará.